Auxílio Brasil de Julho Começa a Ser Paga HOJE(18)!

0

Mais de 18,13 milhões de famílias atendidas pelo Auxílio Brasil passarão a receber a taxa de julho a partir desta segunda-feira. A folha de pagamento mensal supera R$ 7,3 bilhões.

Os primeiros beneficiários são com o último 1 no Número de Identificação Social (NIS) de acordo com o calendário do Auxílio Brasil. Os repasses vão até 29 de julho.

Não foi possível salvar sua assinatura. Por favor, tente novamente.
Parabéns! Você está inscrito. Enviamos um e-mail para você com a confirmação.

Receba todas as Notícias em primeira mão!


O Programa de Transferência de Renda do Ministério da Cidadania garante a cada beneficiário um repasse mínimo de R$ 400. O repasse médio recebido pelas famílias em julho é de R$ 408,80.

?? Empréstimo Consignado do Auxílio Brasil: Como solicitar?

Segundo a Secretaria Nacional de Renda de Cidadania, o Nordeste é a região com maior número de beneficiários: quase 8,6 milhões de famílias. Seguem as regiões Sudeste (5,2 milhões), Norte (2,1 milhões), Sul (1,2 milhão) e Centro-Oeste (941 mil).

Veja também:

Clique aqui e aperte o botão " Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Entre os estados, a Bahia lidera o número de famílias atendidas com um total de 2,26 milhões. Além disso, há mais de um milhão de beneficiários nos estados de São Paulo (2,18 milhões), Pernambuco (1,44 milhão), Minas Gerais (1,43 milhão), Rio de Janeiro (1,33 milhão), Ceará (1,32 milhão), Pará (1,15 milhão) e Maranhão (1,10 milhão).

Calendário Auxílio Brasil 2022 de Julho

Veja o calendário de pagamento das parcelas do Auxílio Brasil para o mês de Julho/2022.

Final do NISData de pagamento
118 de julho
219 de julho
320 de julho
421 de julho
522 de julho
625 de julho
726 de julho
827 de julho
928 de julho
029 de julho

Aumento do Auxílio Brasil

De acordo com as regras do Auxílio Brasil, as famílias que possuem renda mensal aumentam acima do valor estabelecido para o perfil do programa, R$ 210 por pessoa, e isso inclui crianças, adolescentes até 21 anos, adultos ou gestantes pode permanecer no programa por até 24 meses sem perder o benefício em decorrência desse aumento, desde que esse aumento não ultrapasse o valor de R$ 525 por pessoa.

Entre para o nosso grupo do WhatsApp e recebe notícias importantes diariamente.

Em caso de perda de renda após o término do programa, a família pode solicitar novamente à prefeitura municipal o apoio do Auxílio Brasil. Isso dá prioridade à família no recebimento do benefício se atender aos requisitos de elegibilidade estabelecidos.

Para serem elegíveis, as famílias devem atender aos requisitos de elegibilidade e ter seus dados atualizados no Cadastro Único nos últimos 24 meses e não devem conter informações discrepantes entre o informado no cadastro e o de outros bancos de dados federais.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Ok Ler mais